28 de julho de 2017

Desculpem !


Eu sei que a educação burguesa reprime todo tipo de emoção e sensibilidade. Mas, embora de berço pequeno-burguês, eu não sei lidar bem com a falta de emoção e de manifestações emotivas:
Se essa burguesia idiota soubesse o que é a palavra compaixão... o significado da empatia... o sentido de colocar-se na pele do semelhante, eles entenderiam que não há possibilidade de vida feliz onde a desigualdade seja tão brutalmente grave. 
Nem cheirando as drogas mais caras, essa "gente" estúpida conseguirá compreender a razão da existência humana. E, portanto, a razão de suas próprias existências.
A menos que entendam que somos frutos de uma mesma árvore e que todos merecemos sobreviver neste mundo. Com igualdade de oportunidades, tendo nossas diferenças respeitadas por todos.
Nossa vingança a essa gente que despreza o semelhante está na vida miseravelmente abastada em que eles vivem.... de uma grana que jamais comprará DIGNIDADE HUMANA E MUITO MENOS A ETERNIDADE DE SEUS PRAZERES ESTÚPIDOS
Della Monica


27 de julho de 2017

O Midiota


 O MIDIOTA
Judiação ! Na História de toda uma vida, consta que 
- assistiu a todas as novelas da Globo, 
- viu todos os Jornais Nacionais, 
- acompanhou pela TV carros de Fórmula I zanzando em circuitos mundo afora.
- riu das mesmas piadas de sempre dos humorísticos sem graça
- passou horas folheando a Revista Veja nos finais de semana.
- Leu muita manchete dos jornalões aos domingos.
- Poupou o que deu pra poupar só pra poder comprar o remedinho necessário na velhice.
- Nunca notou que foi usado como massa de manobra pra manter os privilégios de uma elite sórdida, mal-educada e vagabunda....
A VIDA INTEIRA DISSE: "AMÉM... AMÉM... AMÉM "

Della Monica


26 de julho de 2017

Meu grande amigo Eu


Este é o sujeito
que sempre esteve comigo
Nos maus e bons momentos
Na gripe e no sorvete
Às vezes é o cara
às vezes, um mala
Mas aonde quer que eu vá
Lá ele está... a me acompanhar
Ora me aplaudindo
às vezes me vaiando
Entre comigo no chuveiro
e comigo se senta no trono
É moleque, é velho
Nasceu comigo
E será o único que comigo morrerá
Meu grande amigo: 
Eu

(aldo della monica)

18 de julho de 2017

Primeiro Amor


Amor de verdade aprende-se é no primeiro amor Depois que ele se vai, se ele se vai passamos a vida dando aquilo que aprendemos a quem possa interessar a quem possa nos interessar Mudam os atores, muda o cenário e queremos repetir a mesma história, qual novelinha da tarde muito fácil de ver mas que só se repete nas tardes da TV


1 de julho de 2017

Você morava mesmo na Bom Sucesso ?

Se você foi moleque na boa e velha rua Bom Sucesso, no Tatuapé, e não fez
isto sentado em um pedaço de papelão lá nos barrancos à beira dos trilhos da 
Central do Brasil, então, DESCULPE..... ou você não foi moleque na Bom Sucesso
ou então sua mãe era muito brava....ha ha ha

 

Quando o saco já perdeu a elasticidade

    AI, ENTÃO..... você vai com a mulher à feira e está comentando sobre as atitudes do prefeitinho de São Paulo. Enquanto isso, a companh...