28 de dezembro de 2015

FELIZ 2016 - QUE O DESBUNDE CONTINUE FOREVER !








Orgasmos múltiplos
Orgasmos únicos.... etéreos ?.... Possíveis !
Calorias inofensivas
Alegrias espontâneas
Grana na medida
Beijos na boca, na testa, na orelha
Ar puro, ar puro, ar puro
Água da boa, cristalina
Desbundes múltiplos
Atrevimento.... afinal para que viemos....?
Atrevimento.... afinal para que viemos....?
Só fantasia, fantasmas, invenções generosas
Olhares generosos ao espelho
Lambidas deliciosas.... sorvete de fruta
Pé de barro até o tornozelo...raízes
Essência
Demência... daquelas que se expõe
Que nos expõem sem vergonhas
sem pudores
Você, você mesmo
Você, você mesma
Nós...
Porque, afinal, do que mesmo precisamos pra viver?!
Se esse momento for único.... se todos forem momentos únicos
Teremos nossa história única
Feliz Desbunde...... com tudo aquilo que a palavra pode ter tido significado, um dia

Nenhum comentário:

Postar um comentário