15 de novembro de 2015

Eu... de pitbull a doguinho

Lembrei-me agora... Faz tempo.... ela havia dito alguma abobrinha que me deixou furioso da vida.
Detonei uma discussão no melhor estilo carcamano... em alto e bom som, com os palavrões que o sangue me dava direito e os gestos largos que o espaço me permitia.
Foi quando ela. arrependida da tal "abobrinha" disse docemente:
- Puxa, às vezes eu também sou gente !

Bastou para aquele pitbull raivoso em que eu me transformara tornar-se um doce bulldoguinho francês.


aldo della monica

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quando o saco já perdeu a elasticidade

    AI, ENTÃO..... você vai com a mulher à feira e está comentando sobre as atitudes do prefeitinho de São Paulo. Enquanto isso, a companh...