8 de julho de 2015

#Somos Todos Hipócritas

A rede Globo jamais primou pelo respeito às diferenças étnicas ou sociais. Basta uma passadinha por seus programas de "humor". Lembram-se do "primo rico e primo pobre" , ou da Ofélia, a mulher burra (cala boca Ofélia)?.... Mais recentemente os gays palhaços ou então a Mãe e filha "pretas" pedindo 50 "centarro" no Metrô ? ...Passa pelas mulheres casamenteiras, destruidoras de lares, pela homossexualidade gratuita nas novelas com único objetivo de alcançar audiência e desemboca em um jornalismo mentiroso que jamais visou ao bem comum da sociedade, mas tão somente aos interesses mesquinhos da ideologia dos Marinho.
Ah, dizem que no jornalismo da Globo, os negros também têm vez: Quem ? a Maju devidamente produzida ou a Glória Maria, com seus cabelos alisados e seus passeios pela Europa ?
É muito pouco para um País em que 60% da população tem raízes ancestrais na África,não é mesmo ?.
Na verdade a hashtag do JN deveria deve ser assim:
#SomosTodosHipócritas


* Sobre uma mensagem colocada na Internet e que mostrava preconceito contra a "moça do tempo" Maju, pelo fato de ser ela negra. Na verdade, levantou-se, posteriormente, a possibilidade de a postagem ter sido colocada com objetivos justamente de promover a apresentadora do tempo. Os apresentadores do Jornal Nacional apressaram-se em "defender" a moça Maju exibindo o cartazete: #somostodosmaju (em que estimulavam o uso do recurso hashtag nas redes sociais)

Nenhum comentário:

Postar um comentário