14 de julho de 2015

A Lágrima da Menininha

Foto: Sebastião Salgado


A lágrima da menininha

Não quer caridade nem piedade

É apenas expressão de dignidade

Expressão de vida que se quer viva

Que busca desapertar-lhe o peito

Desatar o nó de seus delicados sonhos

De quem sonharia apenas ser criança


Sem lembrança, sem esperança

Porque isso é coisa de gente grande

Apenas, sim, viver de infância

A lágrima e o sorriso da menininha

Apenas transbordar de infância

Como se fosse uma criança

… mas, pôxa, ela é uma criança


aldo della monica





Ouça Cuitelinho com Nara Leão



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quando o saco já perdeu a elasticidade

    AI, ENTÃO..... você vai com a mulher à feira e está comentando sobre as atitudes do prefeitinho de São Paulo. Enquanto isso, a companh...